Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Paixão por Lisboa

Espaço dedicado a memórias desta cidade

Paixão por Lisboa

Espaço dedicado a memórias desta cidade

Colégio dos Meninos Órfãos

"Não faltaram, em compensação, os meios de bem encaminhar a mocidade pobre e desprotegida. O claustro era um asylo. Havia, além disso, collegios e orphelinatos, que abriam philantropica e previdentemente as suas portas á puericia desamparada. Um desses collegios foi popularissimo: o Seminario dos Meninos Orphãos, do Padre Antonio Luiz..."
in "Lisbôa do passado, Lisbôa de nossos dias", pág. 130, de Gomes de Brito

Ermida da Senhora da Guia. Portal manuelino do ant

Ermida da Senhora da Guia. Portal manuelino do antigo Colégio dos Meninos Órfãos, foto de José Arthur Leitão Bárcia, in a.f. C.M.L.

 

"1273 - fundação do primitivo Colégio para meninos orfãos, pela Rainha D. Brites, mulher de D. Afonso III; 1549 - D. Catarina fundou-o de novo e reformou-o, a instâncias do padre catalão Domence, com a designação de Colégio dos Meninos Orfãos e sob invocação de Nossa Senhora de Monserrate, destinado a albergar 30 meninos pobres que recebiam instrução que os preparava para as missões religiosas de África e do Brasil; 1570 - realiza-se a 1ª procissão de Nossa Senhora da Senhora da Saúde, cuja imagem se guardava no Oratório do Colégio; 1661 - a imagem de Nossa Senhora da Saúde é transferida para a então capela de São Sebastião, que lhe ficava quase defronte, a partir de então designada por Capela de Nossa Senhora da Saúde; sé. 17 - toma o nome de Colégio de Jesus, por aí existir uma confraria do Menino Jesus; 1754 - obras mandadas executar por D. José, por o edifício se encontrar em mau estado; 1755, 01 novembro - o terramoto provoca muitos estragos no edifício arruinando parte do núcleo construído no ano anterior, tendo sido posteriormente restaurado; 1758 - o Colégio foi confiscado à Companhia de Jesus, passando a ser administrado pelo Tribunal da Mesa da Consciência; 10 setembro - nas Memórias Paroquiais, assinadas pelo pároco da freguesia de São Cristóvão, Joaquim Salter de Mendonça, é referido o Recolhimento do Amparo, que ficou com a capela da igreja bastante danificada, assim como a fachada principal, na sequência do terramoto de 1755; 1814 - instala-se o Recolhimento do Paraíso para mulheres e o Colégio dos Meninos Orfãos é anexado à Casa Pia da Correcção da Corte, instalada desde 1812 no Desterro"

in http://www.monumentos.pt/Site/APP_PagesUser/SIPA.aspx?id=6477

Portal de acesso ao vestíbulo.jpg

Colégio dos Meninos Órfãos, pátio interior, Portal de acesso ao vestíbulo, foto de José Arthur Leitão Bárcia, in a.f. C.M.L.

Colégio dos Meninos Orfãos, gravura, foto de Edu

Colégio dos Meninos Órfãos, gravura, foto de Eduardo Portugal, in a.f. C.M.L.

Levantamento topográfico de Francisco e César Go

Levantamento topográfico de Francisco e César Goullard, planta nº 36, in A.M.L.

Mais sobre mim

foto do autor

Calendário

Março 2016

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Pesquisar

 

Visitante

Tradutor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D