Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Paixão por Lisboa

Espaço dedicado a memórias desta cidade

Paixão por Lisboa

Espaço dedicado a memórias desta cidade

Teatros Desaparecidos - Teatro D. Fernando

"Chama-nos agora a atenção aquele prédio ao fundo Nascente da Rua de Santa Justa onde foi a velha igreja de Santa Justa e Rufina. Na nave do templo, destruído pelo terremoto de 1755, inaugurou-se um Teatro. Chamou-se de <<D. Fernando>>, em homenagem ao Príncipe Consorte. O palco foi armado na capela-mor. Durou apenas dez anos, de 1849 a 1859, ano em que se demoliu. Nesse palco passaram figuras da cena portuguesa - Emília das Neves, Sargedas e outros artistas de nome; representaram-se comédias, dramas, e até zarzuelas por uma <<troupe>> espanhola, mas o <<D. Fernando>> nunca foi afortunado. Diziam os católicos que a razão dos desastres estava em ter-se utilizado uma igreja para tais fins."
in Olisipo : boletim do Grupo "Amigos de Lisboa", nº 58, Abril de 1952

Ilustração do Teatro D. Fernando [Revista popula

 

Ilustração do Teatro D. Fernando, in "Revista Popular", nº 37, 1849, p. 721

Atlas da carta topográfica de Lisboa, n 43, Filip

Atlas da carta topográfica de Lisboa, n 43, Filipe Folque, in A.M.L.

Prospeto para o revestimento fingido que Francisco

Prospeto para o revestimento fingido que Francisco Roiz Batalha pretende mandar fazer na frente do sul do teatro de D. Fernando, in A.M.L.

GaleriaTeatral_N09_0004_branca_t0.jpg

Programa de espectáculos do Teatro D. Fernando, na Galeria Theatral: jornal critico-literario

http://hemerotecadigital.cm-lisboa.pt/Periodicos/GaleriaTeatral/N09/N09_item1/P4.html

Mais sobre mim

foto do autor

Calendário

Abril 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Pesquisar

 

Visitante

Tradutor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D